Posts Tagged ‘casa e jardim’

Especificar as espécies para um projeto de paisagismo é uma das partes que mais gosto do meu trabalho mas que demanda tempo, estudo e pesquisa.

Escolher as plantas dependem de vários fatores. Vocês sabem quais são eles?

 

Luminosidade, clima, adequabilidade ao projeto, necessidade de regas e tipo de solo são sempre os principais itens a serem ponderados.

Cada projeto tem as suas especificidades. O meu último projeto, por exemplo, foi para a ABENE (Associação Beneficente de moradores de nova esperança), através da Residência AU+E.  Uma das especificidades deste projeto de paisagismo era o fato da associação estar localizada dentro da APA (área de preservação ambiental) Joanes Ipitanga Neste caso, além dos fatores que eu listei alí em cima as espécies deveriam ser preferencialmente nativas ou exóticas de ocorrência na APA.

E onde encontrar todas estas informações?

Eu tenho sempre comigo alguns livros de paisagismo onde encontro a maior parte destas informações.

No caso do projeto para a ABENE foi mais difícil, porque a preferência era por espécies nativas da APA e muitas eu nunca tinha trabalhado ou não constavam dos livros que tenho. Durante o trabalho consultei muitos sites e a partir desta minha pesquisa eu criei uma lista com sites bem legais e cheios de informação.

Segue a minha listinha de sites para consulta de espécies:

http://florabrasiliensis.cria.org.br/

http://www.cienciaecultura.ufba.br/agenciadenoticias/noticias/umbuzeiro-simbolo-de-vida-e-resistencia/

http://www.umpedeque.com.br/bkp/site_umpedeque/

http://www.refloresta-bahia.org/br

http://www.arvores.brasil.nom.br/esq.htm

http://www.colecionandofrutas.org/

 

 

Anúncios

Read Full Post »

Dica do dia: Repelente natural para cochonilha e pulgão.

Misture 100 gramas de sabão de coco ralado com 2 litros de água aquecida. Dilua bem o sabão na água quente. Espere esfriar e, borrife a solução nas plantas. O melhorar horário é no final da tarde.

obs: O sabão de coco em barra também pode ser substituído pelo detergente neutro ou de coco. No caso do detergente, deve-se usar uma colher de sopa para cada litro de água.

Read Full Post »

egglings

Quando você olha elas parecem de verdade, mas essas cascas de ovo com mudinhas são de cerâmica.

O nome é “Eggling – Crack em grow”, que traduzindo seria algo como  “ovo, quebre e cresça”.

Este vasinho é uma imitação da casca de ovo e é feito de porcelana branca. O ovo vem fechado, então o primeiro passo ao retirar da caixinha é quebrar a parte de cima. Ele já vem com terra e sementes, basta molhar e colocar em um local iluminado para que as sementes germinem.

Você ainda pode escolher o tipo de plantinha que quer cultivar. Estão à venda três tipos de ervas, três tipos de flores e algumas edições especiais. Infelizmente não encontrei nenhum fornecedor no Brasil.

Como eu gostei muito da ideia de plantar no ovo, resolvi fazer o meu “eggling” reciclável.  A ideia é reaproveitar a casca do ovo que utilizamos para cozinhar.

Quer saber como? Veja o passo a passo a seguir!

Primeiro quebre, com auxílio de uma colher, a parte de cima do ovo.

montagem

– Retire o conteúdo e aproveite ele em suas receitas.

– Lave cuidadosamente a casca, retirando aquela pele branca que tem dentro.

– Coloque as cascas na  água e ferva por alguns minutos.

– Retire da água e deixe secar.

– Faça um furo no fundo do ovo para servir como drenagem. A maneira mais simples que encontrei foi furar de dentro para fora, com uma faca de ponta.

montagem furando o ovo

– Com a ajuda de uma pá de jardim, coloque a terra e em seguida a semente.

montagem terra

O seu vasinho reciclável de casca de ovo está pronto.

rucula no ovo

Quando a mudinha crescer é só quebrar a casca e transplantar. Essa casca quebrada ainda servirá de adubo para o canteiro.

Read Full Post »

Vocês já pararam para pensar que o projeto de paisagismo residencial pode mudar a maneira como as pessoas usam a casa? Que tal tornar a sua varanda ainda mais aconchegante?

Com o projeto de paisagismo podemos mudar o ambiente, deixar a temperatura mais amena e interferir na maneira como as pessoas usam aquele espaço.  Os projetos nos trazem a possibilidade de transformar o sonho em realidade.

Hoje eu trouxe para o blog um projeto de paisagismo que fiz para uma residência em Camaçari, Bahia. Em uma área próxima da praia, com terreno bem arenoso e problemas de falta de água este jardim ganhou, na sua maioria, plantas mais rústicas e resistentes ao calor.

anteprojeto para blog

Para a execução foram feitas algumas modificações, como a substituição da Jabuticabeira pela Cica, a pedido dos clientes. Os projetos estão sempre sujeitos a pequenas mudanças na hora da execução, muitas vezes porque não encontramos todas as plantas para comprar. No projeto, além do “desenho” do jardim, são definidas todas as espécies, porte (tamanho), cálculo de quantidade de mudas por canteiro, espaçamento entre as mudas, etc.

Depois da etapa de projeto concluída chega aquela hora boa de “colocar a mão na massa”, ou melhor, na terra. A primeira etapa é limpar toda a área.

montagem antes

Depois de removido o entulho, é hora de preparar o terreno. Faz  uma diferença incrível colocar a terra e ver as plantas todas ali, mesmo que ainda sem plantar.

montagem durante

E finalmente, depois de alguns dias de trabalho, tudo pronto!

montagem depois

montagem depois 3

montagem depois 1

Agora é só esperar as plantas se adaptarem e crescerem! Em menos de um mês a rosinha de sol já vai ter coberto o círculo todo do meio e o caminho estará verdinho e florido! Que delícia de jardim!

montagem depois 4

A melhor parte é, no final do trabalho, ver o sorriso e a satisfação no rosto dos clientes. Sentir esta alegria, ver a filha pequena  “desfilar” pelo caminho de madeira e ouvir “aposto que cada um vai escolher uma planta para ser sua”. Nesta hora você vê que realmente transformou o sonho (do jardim) em realidade.

Read Full Post »

Outro dia escrevi um post sobre o flower power, uma vareta inteligente que indica as necessidades da planta. Eu acho ela uma ferramenta ótima, principalmente para aqueles que esquecem de regar e adubar suas plantinhas.

Quando estamos em casa ter uma opção como esta é muito interessante para nos alertar. Agora, o que fazer quando precisamos ficar alguns dias fora e não temos ninguém para cuidar delas?

Seja por ausência ou esquecimento, muitas plantas morrem por falta de água.

Que tal estas bolinhas de vidro que liberam água conforme a necessidade da planta?

O “aqua globes” promete regar as suas plantas por até duas semanas! Segundo o fabricante ele libera a água aos poucos, sem encharcar a terra.

aqua globe 3jpg

Encontrei esta imagem explicativa na internet:

aqua-globes-2

Será que funciona mesmo?

Read Full Post »

No final do ano passado assinei um convênio com a APCEF/BA – Associação do pessoal da caixa econômica federal.

Agora, você que é conveniado, já pode usar o seu cartão APCEF/BA para financiar aquele projeto que tanto sonhou.

Projetos de Arquitetura, decoração de interiores, iluminação e paisagismo estão ainda mais ao seu alcance!

logo_apcefBa

Solicite já o seu orçamento!  Aproveite que você está conectado e me envie um email.

—————————————————————————————————————————————————–

Quer saber mais sobre a  APCEF/BA?  clique aqui.

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: