Posts Tagged ‘UFBA’

Especificar as espécies para um projeto de paisagismo é uma das partes que mais gosto do meu trabalho mas que demanda tempo, estudo e pesquisa.

Escolher as plantas dependem de vários fatores. Vocês sabem quais são eles?

 

Luminosidade, clima, adequabilidade ao projeto, necessidade de regas e tipo de solo são sempre os principais itens a serem ponderados.

Cada projeto tem as suas especificidades. O meu último projeto, por exemplo, foi para a ABENE (Associação Beneficente de moradores de nova esperança), através da Residência AU+E.  Uma das especificidades deste projeto de paisagismo era o fato da associação estar localizada dentro da APA (área de preservação ambiental) Joanes Ipitanga Neste caso, além dos fatores que eu listei alí em cima as espécies deveriam ser preferencialmente nativas ou exóticas de ocorrência na APA.

E onde encontrar todas estas informações?

Eu tenho sempre comigo alguns livros de paisagismo onde encontro a maior parte destas informações.

No caso do projeto para a ABENE foi mais difícil, porque a preferência era por espécies nativas da APA e muitas eu nunca tinha trabalhado ou não constavam dos livros que tenho. Durante o trabalho consultei muitos sites e a partir desta minha pesquisa eu criei uma lista com sites bem legais e cheios de informação.

Segue a minha listinha de sites para consulta de espécies:

http://florabrasiliensis.cria.org.br/

http://www.cienciaecultura.ufba.br/agenciadenoticias/noticias/umbuzeiro-simbolo-de-vida-e-resistencia/

http://www.umpedeque.com.br/bkp/site_umpedeque/

http://www.refloresta-bahia.org/br

http://www.arvores.brasil.nom.br/esq.htm

http://www.colecionandofrutas.org/

 

 

Anúncios

Read Full Post »

residência

A Residência AU+E faz parte do Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo (PPGAU) da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal da Bahia (FAUFBA). O curso de pós-graduação Lato Sensu para Assistência Técnica em Habitação e Direito à Cidade é uma oferta do PPGAU e do LabHabitar, em parceria com a Escola Politécnica (EP-UFBA).

O curso é dividido em três módulos. O primeiro é composto de aulas teoricas, que visam capacitar os profissionais para atuar na cidade. O segundo é composto de oficinas, palestras e outras atividades com as comunidades. No terceiro, os residentes desenvolvem projetos que serão doados para as comunidades no final do curso.

A inauguração deste curso traz esperança para grande parte da população brasileira que vive na “cidade informal”. Para mim,  é o início de um novo ciclo de aprendizado, tanto profissional como pessoal.  Quase dez anos atrás, quando entrei na faculdade, sonhava em poder aplicar o que eu aprenderia para ajudar a melhorar a realidade da habitação no nosso país.  Hoje estou muito feliz com esta oportunidade na UFBA e espero trazer muita coisa interessante para compartilhar com vocês aqui no blog.

Compartilho aqui com vocês um material muito interessante de apresentação da residência, elaborado pela  Profa. Dra. Angela Gordilho Souza e apresentado no 6° Projetar, no dia 29 de novembro de 2013 na FAU UFBA.

aue1

aue2

aue3

aue4

aue5

aue6

aue7

aue8

aue9

aue10

aue11

aue12

aue13

aue14

aue15

aue16

aue17

aue18

aue19

aue20

aue21

aue22

aue23

Para os que se interessam pelo assunto, algumas dicas: 

* A residência é composta por profissionais de diversas áreas. Nesta primeira turma da UFBA temos profissionais das áreas de Arquitetura e Urbanismo, Urbanismo, Geografia, Engenharia e Assistência Social.

* Outras Universidades estão interessadas em oferecer este mesmo curso. A nossa expectiva é que as sementes plantadas com esta turma inaugural se espalhem por todo o país.

* No blog da Raquel Rolnik sempre tem uma leitura interessante.

* Para saber mais sobre o curso, acesse o blog da residência e curta a página no facebook!

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: